Belford Roxo nas passarelas pela Miss Rio de Janeiro

Mulher negra e periférica que tem muito a dizer

 

Reproduzida via facebook

Ser Miss Rio de Janeiro é algo muito representativo, pois,moradores da baixada fluminense,  são pejorados por uma gama de pessoas , gerando assim, enorme preconceito e discriminação.

Em se tratando do município de Belford Roxo, a situação piora, pois, os pré-julgamentos são pautados na violência, ausência de beleza local, muitos buracos, sujeira, precariedade em transporte público, inércia dos governantes.As pessoas que lá residem são automaticamente, consideradas incapazes de criar e mudar sua própria história, o que na realidade não é.

Belford Roxo possui pessoas diversas, que trabalham, estudam, batalham para conquistar o seu espaço dentro e fora de onde moram. Pessoas como as demais e que não devem ser menosprezadas pelo lugar onde moram, mas nem todos têm essa consciência.

A Miss Rio de Janeiro, é nascida, criada e reside em Belford Roxo, Baixada Fluminense. Ela realiza o curso técnico em Recursos Humanos, venceu o concurso no último sábado, após persistir e lutar pelo o seu objetivo, mesmo sendo alvo de discriminação por conta do lugar onde mora, e almeja ser Miss Brasil em agosto.

 

Miss Rio de Janeiro foca em um projeto social

A miss Rio de Janeiro tem muito orgulho das suas origens e avisa que não é só um rosto e corpo bonito, que se preocupa com as pessoas onde mora.Tem muitos sonhos a realizar e para positivar o local, visa usar sua visibilidade para obter recursos e realizar um projeto social.

O relato de Isabel nos mostra que o existe o lado positivo e negativo da situação, mas o que determina o alcance do que se almeja é o acreditar.

As pedras no caminho sempre existirão!Seja em um momento para crescer, em outro para aprender ou para fazer dessas pedras, degraus, e subir, se aproximar do que deseja, independentemente, dos obstáculos!

Portanto, seja o autor da sua própria história!

Isabel é a cara da Carioquice Negra!

Baixada Fluminense e Belford Roxo, nas passarelas do Rio e do mundo, muito em breve!

 

Por  Amanda Martins

Graduanda em Direito na Faculdade Presbiteriana Mackenzie Rio,Pesquisadora em Energia no Núcleo de Pesquisas Brasil-Chile, editora, membro da Organização Carioquice Negra, escritora, cantora e compositora.

Comentários

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password