Mulher negra que faz a energia girar enaltecendo a cultura popular brasileira e promomovendo empoderamento intelectual

Priscila Carvalho!

Negra,26 anos, moradora de Cavalcante, Rio de Janeiro, graduanda em Licenciatura em Ciências Sociais pela UFRJ, Coordenadora do Projeto Empoderar, idealizado pelo Coletivo Justiça Negra Luiz Gama e membro do grupo de cultura popular Tambor de Cumba.

Há pouco mais de três anos, ela passou a priorizar a questão racial em sua vida e devido as suas experiências pessoais de negação estética, preterimento afetivo, distinção de tratamento no meio profissional e acadêmico, que adicionados à conjuntura do povo preto no Brasil, sentiu a necessidade de fazer algo para mudar.

Em 2015, recebeu o convite para fazer parte do Coletivo Justiça Negra Luiz Gama, onde conheceu o Projeto Empoderar, no qual iniciou como aluna e posteriormente, recebeu o convite para ser uma das coordenadoras e desde então, vem fazendo um trabalho maravilhoso junto às monitoras Milena, Victória, Rosane e Maria Luiza, contando também com a colaboração da Marta com infraestrutura e do Edson , na parte gráfica.Todos trabalham pesado para alcançar o máximo de pessoas possível.

O Projeto Empoderar consiste em um curso de Formação Política em Questões Étnico-Raciais que aborda diversos temas inerentes à população preta, tendo como objetivo, promover o empoderamento intelectual para os nossos.

É também, membro do grupo de cultura popular Tambor de Cumba, grupo este que, reúne elementos como a dança, o batuque, nos remetendo à nossa ancestralidade. Apresentam-se em oficinas de cultura popular, que, ocorrem em várias rodas no Rio de Janeiro, em que, vários grupos mantém viva tais manifestações com muito trabalho e resistência. A ideia do grupo é difundir a cultura ancestral, sempre com muito embasamento e responsabilidade.

Onde o tambor chama, ela vai!

Sim, ela nos representa e é a cara da Carioquice Negra

 

 

 

Por, Amanda Martins

Graduanda em Direito na Faculdade Presbiteriana Mackenzie Rio,Pesquisadora em Energia no Núcleo de Pesquisas Brasil-Chile,editora, membro da Organização Carioquice Negra,escritora, cantora e compositora.

 

Comentários

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password